Busca de Artigos:

Wine Tips: Combinação entre vinho e comida natalina

Publicado em: 23 Dezembro, 2010 por Winetag B.

No Natal as famílias costumam assar carnes brancas que são, de modo geral, bem mais sutis do que as carnes vermelhas. As opções normalmente giram em torno das carnes de frango, porco, chester ou peru e desde que não sejam excessivamente temperadas ou acompanhadas de molhos muito ricos, são boas pedidas para acompanhamento os vinhos brancos mais encorpados ou tintos leves.

Vale lembrar, que esta é uma regra geral e que o molho ou até mesmo o recheio pode mudar sensivelmente a harmonização. Um molho de limão pode fazer a balança tender mais para brancos leves, roses ou tintos pouco adstringentes como Pinot Noir, Barbera ou Chianti. Adição de ervas faz normalmente a comida combinar melhor com brancos, enquanto molhos à base de vinhos tintos ou vinho madeira já combinariam melhor com tintos de médio corpo, como por exemplo, um malbec argentino.

A grande verdade é que não existem regras muito claras de harmonização, mas uma boa dica é observar o estilo da comida que está à mesa e tentar buscar um vinho que combine, veja:

Comidas defumadas: Brancos leves e refrescantes, brancos suculentos e aromáticos, tintos vibrantes e frutados, tintos suaves e maduros.

Comidas condimentadas: Brancos leves e refrescantes, tintos vibrantes e frutados, tintos suaves e maduros.

Comidas ricas e cremosas: Brancos leves e refrescantes, brancos suculentos e aromáticos, tintos vibrantes e frutados.

Ave ou Porco (dependendo do acompanhamento): Brancos suculentos e aromáticos, tintos vibrantes e frutados, tintos suaves e maduros.


E como no Natal devemos escolher algo muito especial procuramos vinhos avaliados entre 4 e 5 estrelas pelos usuários WineTag e sugerimos harmonizações com pratos típicos desta época.

Veja o prato, a receita completa e os vinhos sugeridos clicando nos títulos abaixo:

» Peru de Natal + 4 vinhos sugeridos

» Chester com Chutney de Manga + 4 vinhos sugeridos

» Pernil Assado + 4 vinhos sugeridos 

 
Para finalizar, aqui vai uma boa dica:

Assados: Quando se assa depressa, com temperatura alta, se obtém concentração e sabores mais intensos nas camadas mais externas, este método é indicado para cortes mais macios que podem ser servidos ainda mal passados, como a carne de pato, por exemplo. O assar mais lento, em fogo brando, produz sabor menos intenso, mas serve para amaciar cortes mais duros e para aves e carnes, como a de porco, que precisam ser muito bem cozidas. Muitas pessoas combinam 2 métodos: começam com altas temperaturas para obter o dourado e depois abaixam o fogo para terminar o cozimento.

Um feliz natal a todos

Winetag Blog

Sobre o Autor

Comentários na WineTag

0

Fernando M. disse há 3484 dias às 20:19h:

Este artigo sobre harmonização é um perfeito desastre! Quem o escreveu mostra não conhecer nada sobre vinhos e muito menos harmonização. Vocês deveriam consultar alguém para não escrever coisas erradas. É preferível não falar nada do que fragilizar a fama do site, com informações falsas! Abrçs Prof. Fernando Miranda (ABS-RJ)

Reportar Abuso

25

Marcio G. disse há 3484 dias às 22:51h:

Ao invés de simplesmente criticar poderia levantar alguns pontos sobre o que estaria errado meu caro Fernando (ABS-RJ). Quanto ao artigo, eu não acredito em harmonizações. Nenhum especialista parece concordar com nada, portanto, faço eu mesmo minhas regras.

Reportar Abuso

21

Roberta D. disse há 3483 dias às 15:34h:

Prezado professor Fernando, eu o adimirava ANTES deste comentário... Uma pena o Sr. criticar sem acrescentar! Aliás, eu adorei o artigo! Tentou dar uma ajuda, sem se aprofundar demais e afugentar as pessoas de uma leitura rápida e prazeirosa. É isso que falta para os vinhos na minha opnião, menos complicação e bobeira!! Conhecimento nunca é de menos, e isto é óbvio. Somos inteligentes o suficientes para discernir a diferença de um artigo técnico de um artigo elucidativo, lúdico, que tem como objetivo dar uma primeira diretriz... Espero que o Sr. entenda um pouco da minha indignação...

Reportar Abuso

0

Renato Silva A. disse há 3483 dias às 16:55h:

Professores da ABS como sempre são elitistas. Só eles conhecem tudo sobre vinho. Por isso que prefiro a SBAV.

Reportar Abuso

  1. Adicionar Comentário:

    Você precisa estar logado na WineTag para deixar um comentário.

Baixe o App da WineTag

É grátis! Acesse todo o conteúdo da WineTag em seu celular.

...saiba mais»

Click here to investigate: source buy accutane isotretinoin see it here.